sexta-feira, 6 de junho de 2014

• A chave que faltava!…

Descobri hoje, vejam lá, com algum alívio interior, que a chave para compreender finalmente a política portuguesa actual já foi produzida no início do século passado pelo bom do Fernando Pessoa…

Mas isto pode ser uma consolação demasiado optimista para a dureza absurda dos tempos que vivemos. Porque será talvez um pouco como supor que algum lampejo de inteligência habita na mente daquela menino que anda a brincar de ser primeiro-ministro, violando de uma forma sistemática, casmurra e ignorante o espírito do livrinho sobre o qual jurou servir a nação e os portugueses.

Será que... Afinal o gajo até é esperto?... Este repentino pensamento agora assusta-me cumó caraças...

Nenhum comentário: